3 problemas de visão causados pelo excesso de luz

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

problemas de visão

Muitas pessoas apresentam sensibilidade à luz, ou seja, sentem incômodo ao estarem em ambientes muito claros ou ao olharem para pontos que emitem muita luz, seja o sol ou a tela de um aparelho. Esse sintoma é conhecido como fotofobia e atinge um contingente grande de pessoas. No entanto, ele não é o único: existem outros problemas de visão que estão relacionados ao excesso de luz e, no post de hoje, você irá conhecê-los.

O excesso de luz pode realmente causar problemas de visão?

Sim. A resposta parece óbvia, no entanto, é preciso aprofundar o assunto para entender a relação entre o excesso de luz e os problemas de visão.

Tratando-se da luz do sol, os riscos são muitos, tendo em vista que ela é composta por raios ultravioleta que aumentam os danos causados ao olho. A luz solar pode afetar a córnea, a lente, a conjuntiva (membrana mucosa que reveste e protege o globo ocular), a mácula (parte da retina) e a pálpebra.

Existem muitos problemas de visão que podem ser causados pelo excesso de luz, e eles podem afetar tanto os dois olhos como apenas um. Confira abaixo algumas doenças relacionadas a exposição à luz.

1. Câncer na pálpebra

A parte inferior da pálpebra é a que apresenta o maior risco de desenvolver um melanoma ou carcinoma. Dentre os sintomas estão a mudança na aparência da pálpebra, incluindo espessura, inchaço e textura anormal, queda de cílios e olhos permanentemente vermelhos, que não curam. O tratamento do câncer de pálpebra costuma ser cirúrgico e requer atenção e cuidados imediatos, tendo em vista que alguns tipos são invasivos e podem afetar o globo ocular.

problemas de visão

2. Cataratas

A catarata é um dos problemas de visão mais populares, porém, muitas pessoas não sabem que essa condição pode estar ligada ao excesso de luz.

Ela é caracterizada pela lenta turvação e amarelamento do cristalino (a lente do olho), que deixa a visão embaçada e, em casos graves, pode levar a cegueira. Sua ocorrência pode estar ligada ao envelhecimento e a algumas doenças, como a diabetes. No entanto, a exposição excessiva aos raios UV, emitidos pelo sol e também por aparelhos de bronzeamento artificial, configura-se como uma das causas da catarata.

3. Queimadura de córnea

Da mesma maneira que nossa pele queima quando ficamos expostos ao sol sem proteção, a córnea também pode sofrer queimaduras. A córnea é um tecido, uma membrana transparente, bem fina porém bastante resistente, localizada na parte anterior do globo ocular, que tem a função de protegê-lo. O excesso de raios UV pode danificar essa membrana, causando problemas de visão.

Além desses três, existem outros problemas de visão cuja ocorrência está ligada ao excesso de luz, como degeneração macular causada por lesões na retina, melanoma conjuntival etc. Por isso, é importante manter as consultas com o oftalmologista em dia, frequentando regularmente um centro de referência em oftalmologia que pode oferecer a segurança e a qualidade no cuidado que os olhos requerem. Além disso, é imprescindível usar óculos escuros com proteção UVA e UVB, para diminuir a incidência de raios solares.

Se você gostou deste artigo e deseja ler mais sobre a saúde dos seus olhos, curta nossa página no facebook.

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×