Braquiterapia ocular: onde fazer?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

braquiterapia ocular

A braquiterapia ocular serve para tratar os tumores dos olhos que aparecem com mais frequência e que são elegíveis para passar pela radioterapia. Em vez da aplicação dos feixes tradicionais, esse procedimento consiste em utilizar placas que fazem a liberação radioativa e localizada na região afetada.

As grandes vantagens desse procedimento incluem a maior efetividade e a atuação direcionada. Ou seja, não é necessário comprometer estruturas celulares adjacentes, já que é possível focar a liberação de radioatividade especificamente no tumor.

Porém, para aproveitar os benefícios do processo é fundamental fazê-lo no local certo. Por isso, veja neste artigo como escolher o melhor lugar para passar por esse tratamento.

Procure um hospital de olhos de confiança

Para que a braquiterapia ocular seja feita de maneira adequada e realmente eficiente, é fundamental contar com um hospital de olhos de confiança. Procurar, especificamente, por essa opção é muito importante porque garante a total especialização da atuação.

Contar com somente um oftalmologista não será suficiente, assim como se dirigir a uma clínica particular não é uma ação que garante a atuação totalmente especializada.

Assim, procure um hospital de olhos com boas referências no mercado, que tenha experiência e que receba indicações positivas de seus pacientes.

Verifique a estrutura para a realização da braquiterapia ocular

Para saber onde fazer o procedimento, também é preciso pensar em qual é a estrutura disponível no local.

É importante que o espaço contenha todos os equipamentos e recursos necessários para que o processo aconteça de forma segura e com chances de sucesso.braquiterapia ocular

Procure conhecer, antes de decidir, como são as instalações, o que o local oferece e quais são as medidas voltadas para a efetividade do tratamento e para a segurança do paciente.

Analise quem é o corpo médico responsável

Outra questão consiste em conhecer quem são os profissionais responsáveis pelo procedimento. O ideal é que haja uma equipe especializada em oncologia, de modo que todo o tratamento seja devidamente acompanhado, seguro e adequado.

Quanto melhores forem as qualificações do time responsável, melhores tendem a ser os resultados. Por isso, não abra mão de conhecer quem atua para que a braquiterapia seja realizada.

Se tiver dúvidas, pergunte ao hospital de olhos selecionado para ganhar toda a segurança sobre o processo.

Confira se o local faz parte da rede conveniada

Caso você tenha plano de saúde, uma das suas preocupações deve ser em garantir que o procedimento seja coberto. Por isso, é importante avaliar quais são as redes conveniadas no hospital.

Se ele tiver uma extensa lista de convênios, há maiores chances de que você possa realizar a braquiterapia sem custos extras. Com isso, ocorre maior segurança, facilidade e rapidez para que o tratamento tenha início.

Porém, tenha em mente que esse fator não deve ser o mais relevante. Se você encontrou o hospital de olhos certo para fazer a braquiterapia ocular, estar conveniado deve ser apenas um ponto a mais, já que o fundamental é que os tumores oculares sejam tratados da forma mais efetiva.

Com essas indicações, dá para escolher o melhor lugar para fazer a braquiterapia ocular. Como resultado, o tratamento fica mais seguro e ganha a chance de se tornar mais efetivo, aumentando a possibilidade de um prognóstico melhor.

Se tiver alguma dúvida sobre o tema, não deixe de comentar e de participar.

 

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×