5 características de uma boa clínica de olhos

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

clínica de olhos

Uma clínica de olhos precisa ter o reconhecimento tanto dos pacientes quanto da equipe que faz parte do seu corpo clínico. Afinal, você não pode confiar a saúde dos seus olhos para qualquer tipo de lugar e profissional. As consequências podem ser desastrosas caso um diagnóstico seja feito errado.

Um dos pontos mais importantes para que doenças oculares sejam curadas completamente é por conta de um diagnóstico feito por um profissional qualificado. Existe um conjunto de características que ajuda a identificar se a clínica é boa ou não. Veja, abaixo, as principais que reunimos neste post!

Prioriza o bom atendimento em todos os níveis da clínica de olhos

Um bom atendimento faz toda a diferença. Por isso, é preciso que o paciente se sinta confortável desde o primeiro contato com a clínica de olhos. Ela ganha pontos se os profissionais da recepção, administração e do corpo clínico realizarem o atendimento de uma forma atenciosa.

Pode não parecer, mas um bom atendimento é fundamental para a recuperação e tratamento dos pacientes. Agilidade também entra nesse ponto, pois quanto mais rápido a equipe consegue detectar algum tipo de anormalidade nos olhos, mais eficaz é o tratamento.

clínica de olhos

Atende os principais convênios do mercado

É muito inconveniente quando a clínica de olhos não atende convênios de saúde ou atende apenas de algumas empresas. Para que não ocorram transtornos durante uma consulta ou um tratamento, quanto maior for a cobertura da clínica, melhor para o paciente. Além de demonstrar que a clínica está sempre atualizada em relação ao mercado, ela garante comodidade para os clientes que precisam tratar dos olhos.

Utiliza equipamentos de última geração para realizar exames

Uma boa clínica precisa ter uma estrutura preparada para realizar exames. Acuidade visual com laser (PAM), Biometria Ultrassônica, Campimetria Computadorizada, Mapeamento de Retina, OCT (Tomografia de Coerência Óptica) e Retinografia Simples são apenas alguns exemplos de exames para detectar anormalidades nos olhos.

Ela pode ser considerada boa quando tem uma grande variedade de equipamentos de última geração que permite a realização de exames simples e também sofisticados. Afinal, um bom equipamento é fundamental para que o médico possa analisar e tratar o paciente da melhor maneira.

Possui infraestrutura para agilizar exames laboratoriais

Uma clínica que busca facilitar o atendimento e agilizar a entrega de resultados de exames laboratoriais também é considerada boa no que faz. Para que um diagnóstico seja mais preciso, os exames precisam ser feitos com rapidez e segurança por profissionais qualificados. Essa característica não é toda clínica de olhos que possui.

Oferece procedimentos ambulatórios não cirúrgicos

Uma boa clínica de olhos possui tecnologia e equipe especializada para executar, com eficiência e total segurança, diversos procedimentos ambulatoriais não cirúrgicos. Uma infraestrutura robusta faz toda a diferença para quem se preocupa com a saúde dos olhos.

Caso contrário, seria inconveniente para o paciente buscar outro local para realizar procedimentos como Fotocoagulação a Laser, Indocianina Verde, PDT (Terapia Fotodinâmica para Degeneração Macular) e TTT (Termo Terapia Transpupilar).

Viu quais são as principais características de uma boa clínica de olhos? Deixe um comentário para gente caso tenha uma contribuição para este post! Em nosso blog você pode ler mais sobre como cuidar da saúde dos seus olhos e identificar os sintomas de doenças oculares.

 

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×