Como saber se você está com inflamação nos olhos?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

inflamação nos olhos

Quando um corpo estranho entra na região ocular ou diante de determinadas doenças, a inflamação nos olhos é uma resposta comum do organismo. É o que acontece quando ocorre a conjuntivite, por exemplo, em que a conjuntiva é a principal afetada.

Além de causar um grande incômodo, esse problema é prejudicial para a qualidade de vida e pode até comprometer a visão. Portanto, identificar corretamente o caso é o primeiro passo para buscar a solução.

A seguir, veja como saber se você está com inflamação nos olhos e entenda melhor o problema!

A coceira intensa é um dos principais sintomas

Quando a inflamação se instala, o organismo tenta combatê-la de todas as maneiras. Nesse momento, é comum sentir a urgência de coçar a região dos olhos — aparentemente, sem um motivo definido.

Conforme a inflamação evolui, a coceira fica intensa. A necessidade de levar a mão à área se torna constante e o alívio ocorre de um jeito cada vez mais fraco. No caso, há um indício claro de que provavelmente existe uma inflamação nos olhos.

Os olhos lacrimejando também apontam para o quadro

Como o organismo tenta eliminar o agente causador da inflamação ou mesmo aliviar os sintomas, é comum que a região ocular receba uma produção maior de lágrimas. Essa é uma forma de tentar expelir possíveis causadores da situação e ajudar a lubrificar o olho que fica ressecado.

Além disso, o ato de coçar com intensidade também faz com que as estruturas lacrimejem mais. Dependendo do grau do problema, pode acontecer de o paciente sofrer com lágrimas que vertem ininterruptamente, o que deixa a visão menos clara.

inflamação nos olhos

O inchaço é outro sintoma de inflamação nos olhos

Quando há um traumatismo ou mesmo quando a infecção acompanha a inflamação, é comum que os olhos fiquem inchados. Em geral, é a pálpebra superior a que mais sofre com o efeito, mas a inferior também apresenta tal aspecto.

O principal resultado é que enxergar se torna progressivamente difícil, já que as pálpebras caminham para se juntar. Em casos extremos, como em crises alérgicas intensas, o olho pode ficar completamente fechado até que o problema seja resolvido.

A vermelhidão ajuda a completar o quadro

Todos esses sintomas fazem com que a inflamação nos olhos leve a uma mudança na coloração da área. Devido ao atrito causado pela coceira e à própria vascularização da região, é comum que a vermelhidão surja com intensidade.

As estruturas ficam marejadas e, mesmo com a lubrificação, continuam intensamente vermelhas. Novamente, é algo que causa incômodo e que pode até aumentar a sensibilidade à luz.

A ida a um oftalmologista é indispensável para o diagnóstico

Caso qualquer um desses sintomas se manifeste, há chances de haver uma inflamação. Se mais de um ou todos eles se manifestarem, é praticamente certo que o quadro está em desenvolvimento.

Contudo, somente um médico especialista é capaz de diagnosticar, precisamente, se há ou não um aspecto inflamatório. Além disso, é o oftalmologista que diz se a condição é o efeito de uma doença grave. A partir da identificação, ele receitará as medidas adequadas, como o uso de colírios, para aliviar o problema.

A inflamação nos olhos é uma situação que parece inofensiva, mas que exige cuidado. Além de ficar atento a tais sintomas, procure um médico imediatamente. Somente ele poderá dizer como proceder e ajudará a garantir a total saúde da região.

Você tem encarado algum desses sintomas? Use o espaço nos comentários e compartilhe suas experiências.

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×