Como tratar o estrabismo?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

como tratar o estrabismo

As pessoas com estrabismo são aquelas cujos dois olhos apontam para lados diferentes. Eles têm uma dificuldade para convergirem em um mesmo ponto e podem ser classificados em quatro grupos diferentes. Aqueles em que ambos os olhos apontam para o nariz, os que ambos apontam para fora, quando um dos dois olhos desvia verticalmente ou quando apenas um deles tem dificuldades para convergir em situações específicas.

Quem tem essa condição geralmente tem visão dupla e, por isso, sente muitos incômodos visuais. Mas você já parou para pensar em como tratar o estrabismo? Será que essa doença tem cura? Leia este post até o final e descubra a resposta.

Como tratar o estrabismo em crianças

Existem algumas crianças que começam a dar sinais de estrabismo desde pequenas. E essa é uma condição bastante comum, uma vez que a musculatura ainda não está completamente madura nessa idade. Por isso, mesmo que o bebê apresente um certo grau de estrabismo, é importante que os pais percebam se a melhoria natural acontece com o tempo. Caso os olhos não se alinhem, será necessário consultar um médico oftalmologista para que o diagnóstico seja feito.

Caso o estrabismo seja confirmado, existem algumas formas diferentes de tratá-lo. Isso vai depender diretamente da característica de cada quadro, por isso é tão importante consultar um oftalmologista pediátrico. Ele pode optar por um tampão no olho saudável, o que forçará o outro olho a se movimentar melhor. Pode lançar mão de óculos especialmente para esse caso. Por fim, pode ser um caso cirúrgico, mas isso somente o médico poderá dizer.

como tratar o estrabismo

Como tratar o estrabismo em adultos

Se depois de ler o primeiro tópico você ficou se perguntando sobre como tratar o estrabismo em adultos, não existem motivos para preocupações. É claro que o ideal é procurar ajuda médica desde os primeiros sinais, mas esse não é um caso de vida ou morte. Os adultos também podem se tratar, mas existe uma diferença básica (e até meio óbvia) aqui: a idade. Isso porque com o passar dos anos, os músculos vão envelhecendo e se tornando menos maleáveis. Ou seja, a técnica do tampão ou dos óculos não poderá ser aplicada mais.

Na prática, a correção do estrabismo em adultos acontece por meio da cirurgia. Basicamente é feita uma incisão próxima à região onde os nervos encontram o globo ocular para que o cirurgião possa acessá-los. Não é necessário retirar o globo ocular do lugar para fazer isso, ao contrário do que diz a crença popular. Ao invés disso, os nervos são encurtados para que os olhos assumam a posição correta.

É possível que durante a recuperação da cirurgia, tanto o paciente quanto o médico notem que os olhos não estão perfeitamente alinhados. Nesses casos, pode ser necessário repetir o procedimento para que o resultado fique perfeito.

Existem crenças populares que impedem que as pessoas se tratem corretamente. Uma delas se refere a como tratar o estrabismo em adultos e crianças. A verdade é que esse é um procedimento seguro e relativamente simples. O período de recuperação da cirurgia é de um mês para que o paciente possa voltar a fazer exercícios físicos e ter uma vida normal, mas antes disso ele já poderá usar o computador, ler livros e, em alguns casos, dirigir normalmente.

Este texto foi útil para sanar suas dúvidas sobre como tratar o estrabismo? Use a nossa caixa de comentários para fazer mais perguntas e responderemos com o maior prazer!

 

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×